• Boa tarde, Seja Bem Vindo(a)!

O Banco do Nordeste quer aplicar R$ 10 milhões por ano no município de Grão Mogol

A equipe do Banco do Nordeste de Porteirinha reuniu-se com o Vice-prefeito, Gésio Rocha, representando o Prefeito Diêgo Antônio Braga Fagundes, e o Secretário de Administração e Finanças, Lucivan Emanuel, nesta quarta-feira, 14. O objetivo desse encontro, de acordo com o gerente da Instituição, George Medrado, é estreitar o relacionamento com a Prefeitura Municipal de Grão Mogol, trazendo benefícios ao município.
George disse ainda que deseja dobrar a aplicação que já foi feita em Grão Mogol. O Banco do Nordeste atua hoje em financiamento para implantação e modernização de empreendimentos industriais, comerciais ou serviços, financiamento para aquisição de máquinas e equipamentos, empréstimos para capital de giro, câmbio, financiamento para implantação, expansão e modernização de empreendimentos rurais, crédito para custeio e comercialização, financiamento para projetos de infraestrutura, financiamento e suporte a PPPs, administração, operacionalização e repasse de fundos e programas, arrecadação de tributos, folha de pagamento e outros serviços especializados, crédito direto ao consumidor, fundos de investimento, seguros, conta corrente e poupança e financiamento estudantil, atendendo empresas, agronegócios e rural, infraestrutura e governo, e pessoas físicas.
Em 2020 foram aplicados R$ 4.902.834,25, no município de Grão Mogol, totalizando 481 operações, a proposta é que esse valor chegue a 10 milhões por ano.
Gésio Rocha ressaltou que, a preocupação da Secretaria de Agricultura é com a queda dos números de DAPs – Declaração de Aptidão ao PRONAF, documento que identifica os Agricultores Familiares e/ ou suas formas associativas organizadas em pessoa jurídica (associações e cooperativas) , aptos a realizarem operações de crédito rural ao amparo do PRONAF, e para acesso às políticas publicas federais, estaduais e municipais (PAA – Programa de Aquisição de Alimentos, GS – Garantia SAFRA, PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar, Aposentadoria Rural e outros programas). Dentro município, já são 1295 DAPs inativas.
“A intenção da Administração é estreitar esses laços com o Banco Nordeste para que possa atender, principalmente, a agricultura familiar e os empreendimentos rurais. Quanto as DAPs nós faremos um mutirão para solucionar esse problema”, disse o Vice-prefeito.